domingo, 11 de abril de 2010

SUGESTÃO DE ESTRATÉGIAS PARA INICIAR E MANTER A INTERAÇÃO COM CRIANÇAS


¢ Acompanhe a criança e siga sua liderança. Observe seu comportamento e dê sentido ao que ela faz, agindo como se tudo fosse intencional. Por exemplo, se ela cai sobre o sofá, inicie uma guerra de almofadas, se ela deixa algo cair e faz um barulho diferente, repita, como se fosse intencional.


¢ Se posicione na frente da criança e ajude-a a fazer o que ela quer.


¢ Dê suporte às iniciativas da criança e expanda o conteúdo inicial, se faça de bobo, faça coisas erradas ou engraçadas e observe a reação. Se interponha no caminho da criança, interferindo de maneira divertida com o que ela está fazendo.


¢ Enfatize palavras e gestos, exagere a expressão facial e entonação, deixando claro seus sentimentos e intenções.


¢ Faça o que for possível para manter a interação e não interrompa a atividade enquanto conseguir manter a interação.


¢ Descubra o que atrai a atenção e causa prazer na criança. Use brincadeiras sensoriais (ex: balançar, pular, rodar e luta), jogos de causa e efeito, que aparecem e desaparecem, ou brincadeiras infantis, como o esconde -esconde e o "vou te pegar".


¢ De sentido aos sons que a criança emite, completando palavras, ampliando o conteúdo ou dando um contexto para a palavra emitida, coloque palavras ou dê nome aos sentimentos que ela conseguir expressar.


¢ Insista sempre em uma resposta, que seja um gesto, um som, um olhar.


¢ Não desista da criança, seja persistente, paciente e espere pela resposta.

Nenhum comentário: